02/02/11

Biografia de MALBA TAHAN - O Homem Que Calculava

O autor da obra clássica “O HOMEM QUE CALCULAVA” foi o grande professor Júlio César de Mello e Souza (1895-1974). Ao criar seu pseudônimo, Júlio César criou também um personagem: Malba Tahan. Este escritor, cujo nome completo seria Ali Yezid Izz-Eddin Ibn Salim Hank Malba Tahan, teria nascido na aldeia de Muzalit, próximo a Meca, a 6 de maio de 1885. Teria feito seus estudos no Cairo (Egito) e Istambul (Turquia). Após a morte de seu pai, teria recebido vultosa herança e viajado pela China, Japão, Rússia e Índia, onde teria observado e aprendido os costumes e lendas desses povos. Teria estado, por um tempo, vivendo no Brasil. Teria morrido em batalha em 1921 na Arábia Central, lutando pela liberdade de uma minoria local. Seus livros teriam sido escritos originalmente em árabe e traduzidos para o português pelo também fictício Professor Breno Alencar Bianco. Júlio César escreveu ao longo de sua vida cerca de 120 livros de matemática recreativa, didática da matemática, história da matemática e ficção infanto-juvenil, tendo publicado com seu nome verdadeiro ou sob pseudônimo. Abaixo, uma lista de seus títulos mais relevantes:
Contos de Malba Tahan (contos); Amor de Beduíno (contos); Lendas do Deserto (contos); Lendas do Oásis (contos); Lendas do Céu e da Terra (contos); Maktub! (contos); Minha Vida Querida (contos); O Homem que Calculava (romance); Matemática Divertida e Delirante (recreação matemática); A Arte de Ler e Contar Histórias (educação); Aventuras do Rei Baribê (romance); A Sombra do Arco-Íris (romance); A Caixa do Futuro (romance); O Céu de Allah (contos); Lendas do Povo de Deus (contos); A Estrêla dos Reis Magos (contos); Mil Histórias Sem Fim (contos); Matemática Divertida e Curiosa (recreação matemática); Novas Lendas Orientais (contos); Salim, o Mágico (romance); Diabruras da Matemática (recreação matemática).  Para saber mais ACESSE  MALBA. Ou ACESSE TAHAN.